quinta-feira, 29 de abril de 2010

CALIGRAFIA











Dúbia é a linha por onde sigo

Nela o desconhecido
tem seu dedo apontado para mim
-meu grande desafio.

Flexivel e destituido de tudo
o meu copo vazio é o meu
ponto de partida.

Que me remete
em busca do meu alvo:
a sintese de tudo,ou quase tudo...

Intenso é o fogo que arde constante,
onde forjo minha espada invisivel.
companheira do meu eu reflexivo,
escada que me evolui
e que me orienta.
meu espelho retrovisor...

Dos enigmas de mim mesmo
meu coração é a parte de mim
que não decifro.
mas dele vem a voz que me renova
e pondera meu olho cético.

Imprevisíveis
são os caminhos do meu amanhã.

Fronteiras
que desejo atravessar sem pedágio.
(minha moeda é cada segundo que vivo)

Mas no pulso
sinto forte o passo que me leva.
nada me parece intransponivel.

Pois na aurora de cada dia
sempre um trilho se abre.

É a minha pequena porta.

Ponte...

De um rio que corre dentro de mim.



(Moisés Poeta)

31 comentários:

Juliana Lira disse...

Intenso, complexo, profundo ao infinito...

E lindo, lindo além do normal!

milhões de beijos

Lara Amaral disse...

Escrever é um caminho para se decifrar, a intuição fica à prova.

Belo texto, gostei! =)

Beijos.

Íthalo iankel disse...

Muito bom!

Patrícia Gonçalves disse...

Moisés, que coisa mais linda, lirismo puro.

Luz disse...

Vi-me contida em sua poesia.
identificações.
Muito lindo.
Bjs

Fouad Talal disse...

Cara,

Moisés, o metapoeta.

Grande abraço!
F.T

José Luís Rodrigues disse...

Caro amigo, também gostei muito do seu blog, está cheio de poesia, o nosso mundo precisa de poetas e de poesia que cante o amor e a esperança. Obrigado por aderir ao meu blog. Pode contar comigo, que sempre contarei com o seu delicioso farnel para partilhar na mesa da fraternidade que pretende ser o Banquete da Palavra. Bem haja e tudo de bom.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Moisés
que beleza, que verdade, que esperança, que clareza, putaquepariu, essa biografia me mata!
Olha.... eu amei, amei, e tinha que ter lido isso hoje, saber que não estou perdida, tenho espelho retrovisor, tenho moeda com meu rosto cunhada em fogo.....e tenho esse rio que corre dentro de mim.

Juliana Lira disse...

Que a tua ponte te leve a lugares maravilhosos como a tua poesia!

Ps: Bem vindo ao Reticências...

Milhões de beijos

Márcia Oliveira disse...

Você diz:

imprevisiveis
são os caminhos do meu amanhã.

Concordo com você, não quero saber do amanhã , quero a beleza do hoje, do agora, ser um amanhã somente no hoje...
BJK no coração!!!

Sandra Botelho disse...

Enquanto ainda houverem desafios em seu caminho...
Siga, fojando espadas,transpondo barreiras, ouvindo o coração...
Bjos achocolatados

dade amorim disse...

Bonitos poemas que falam de tensão e vida. E muito bom o título de seu blog. Gostei mesmo.

Beijo pra você.

Carol Morais disse...

Moisés, é escrevendo que o poeta firma identidade. Ele faz canções com palvras, ou com pontos de interrogação.

"o meu copo vazio é o meu
ponto de partida."

Nós somos um nada jogado no meio de tudo que sufoca a gente. O poeta, diferentemente do mortal, é alguém de alma cheia de sonhos, vazia de valores mundanos.

Lindo poema!

Juan Moravagine Carneiro disse...

Meu caro, cheguei aqui através de caminhos tortuosos deste mundo virtual...

...e achi muito bom o fogo que aqui se alimenta...

abraço

Márcia Oliveira disse...

Obrigada pelos comentários e visitas ao meu blog!!!Você faz a diferença no mundo da poesia!!Bj de luz e paz no coração!!

Pétala_Rosadinha disse...

O rio que corre dentro de ti é de uma beleza indescritível.

Quão intensas e cheias de força são suas palavras, moço sensível.

Me sinto lisonjeada por poder compartilhar disso tudo.

Beijos meus.

Jacque disse...

Vim convidar pra ver meu vídeo novo, ........ BLOG: SENTIMENTOS.
http://sentimentos-jacque.blogspot.com/

Bom Fim de Semana

Si Fernandes disse...

Há Metafísica bastante em não pensar em nada ( Pessoa - Alberto Caeiro )
Intenso e com nuances.

Danilo de Abreu Lima disse...

moisés,
belo poema, introspectivo e filosofico, também gosto de escrever sobre temas asins/assim. a caligrafia das coisas é a memória da alma, são os olhos dos s43ntidos.
também tenho rios que correm e desaguam, foz de coisas extintas, fogos antigos, folhas dormentes que despertam vez em quando- e a gente resist3e em insistir no caminho ou soltar monstros- nas mansas trades-
seu poema é ótimo. além do tema, ritmo e leveza-beleza em todas as linhas e entrelinhas.
abraços
danilo.

Gisa disse...

Oi poeta, só agora tive condições de passar por aqui e curtir um pouco seu espaço, parabéns pelo trabalho inspirado !!

Chá das Cinco disse...

Saudade de você na hora do Chá..
Vim aqui pra te deixar um grande abraço.
Sinta-se abraçado amigo.
Gemária Sampaio

Milene Gonçalves disse...

Obrigado pela visita e pelo comentário. Gostei muito da poesia!
Abraços, Milene.

Adriana Karnal disse...

"tenho um rio q corre em mim"...gostei de tua poesia, poeta gente grande.

Sebastiano Landro disse...

Felicitaciones por el post! un saludo!

Martinez disse...

a gente tenta e um rio corre dentro e fora de mim

Martinez disse...

muito lindo, intrigante e fantástico

Anônimo disse...

This will astonish you!
It`s in the interest of as all!

ZEITGEIST: ADDENDUM

Money as debt


Technological breakthrough


HydrogenCar

Electrolyzed water

Soladey eco

Bio washball

Solar Air Conditioning

AMAZING!!

OZONATED WATER: CURE ANYTHING!

http://www.stoptherobbery.com/

Projecto Alexandra Solnado

Conversations with God

Monatomic Gold

Dangerous to your health!

EXITOTOXINS

Monosodium glutamate (MSG)
Aluninum
Aspartame
Mercury


IMPORTANT TO WATCH

Flouride in water
Flouride Alert

Ludmila Ferreira disse...

Idem Moises!

Paarabéns pelo blog....

Forte abraço.

^.^

Gui disse...

"PONTE, QUE NOS LEVA E ELEVA À TUDO O QUE ALMEJAMOS...
E QUE NOS UNI E UNIFICA, E REVELA ENTÃO, A BELEZA DE NOSSA VIDAS..."

MARAVILHOSOOOO!!!!!!
http://viagemaomundoodossentimentos24x7.blogspot.com

Alex disse...

Excelente poema. Parabéns pela escrita.

abraços

may disse...

adorei amoree...vc sempre me toca a alma com suas poesias.bjs no coração